Nossa História

A história do INCAvoluntário teve início antes da área de ações voluntárias do INCA ganhar um nome. O trabalho voluntário no Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA) remonta à década de 1950, quando as pessoas participavam espontânea e gratuitamente de campanhas para arrecadar fundos para ajudar aos pacientes carentes do INCA.

Em 1980, houve o início da formalização desse trabalho com a criação da primeira associação de voluntários do INCA, a qual desenvolvia atividades de caráter assistencial e eventos festivos.

Contudo, na década seguinte surgiram vários novos grupos de voluntariado. Por isso, em 1996, a Direção Geral do INCA criou o Núcleo de Acompanhamento Voluntário (NAV). O objetivo era organizar a atividade na instituição, uma vez que nessa época ainda não havia sido promulgada a Lei do Voluntariado, e orientar o trabalho dos grupos.

Para melhorar ainda mais o processo, em 2000, foi criado o Conselho do Voluntariado do INCA, com a participação dos voluntários e profissionais do Instituto. A ideia era alinhar as ações e possibilitar uma maior interação da equipe voluntária com a de profissionais. Os membros do Conselho redigiram a primeira norma de conduta para o trabalho voluntário no INCA. Na mesma época foram promovidas reuniões de treinamento e atualização dos supervisores de atividades.

Contudo, em 2001 – Ano Internacional do Voluntariado -, que houve uma grande mudança na gestão do trabalho voluntário dentro do Instituto. O NAV foi transformado em Área de Projetos Sociais e Voluntariado (INCAvoluntário) e, em 2003, houve a formalização do INCAvoluntário em Área de Ações Voluntárias, em parceria com a Fundação do Câncer. A reorganização do voluntariado, por meio do Regimento Interno, bem como a criação do INCAvoluntário foram homologadas por meio de portarias internas.
A criação dessa Área promoveu a unificação dos grupos de voluntários, trazendo mais integração e alinhamento às normas institucionais.

Reconhecimentos

  1. Prêmio pelo reconhecimento do trabalho desenvolvido dentro do Instituto Nacional de Câncer – Congresso INCA 80 anos – 2017
  2. Recebimento do Conjunto de Medalhas Pedro Ernesto pela Câmara Municipal do Rio de Janeiro – 2014
  3. Recebimento de Moção de Honra pela Câmara Municipal do Rio de Janeiro – 2013
  4. Troféu Beija-flor 2009 categoria voluntário – Riovoluntário
  5. Troféu Beija-Flor 2007 categoria voluntário – Riovoluntário
  6. Troféu Beija-flor 2005 categoria voluntário – Riovoluntário
  7. Moção de Aplausos e Congratulações 2005 – Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro – ALERJ
  8. Troféu Beija-flor 2004 categoria voluntário – Riovoluntário
  9. Moção de Aplausos e Congratulações 2004 – Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro – ALERJ
  10. Troféu Beija-flor 2003 categoria voluntário – Riovoluntário
  11. Troféu Beija-flor 1999 categoria instituição – Riovoluntário
  12. Medalha 22 de Abril Associação Cultural Sarah Kubitschek
A história do INCAvoluntário